Seguro cobre furto de rodas? Saiba como funciona e o que fazer nesta situação.

Imagine que seu carro seja furtado ou roubado e encontrado algumas horas depois sem as rodas, sua primeira pergunta com certeza será “meu seguro cobre furto de rodas?”

Essa pergunta também pode surgir em outros casos, as vezes os bandidos nem mesmo levam o veículo, mas retiram as rodas no local onde o carro está estacionado.

Esse é um risco muito comum em determinadas cidades, uma vez que muitas pessoas compram acessórios como rodas e pneus no mercado marginal.

Portanto, este texto se destina a sanar a dúvida se o seguro cobre furto de rodas ou não, confira!

O que fazer ao encontrar o carro sem as rodas?

A primeira coisa a ser feita quando encontrar seu carro sem as rodas é ligar para a seguradora e comunicar o sinistro.

A maioria dos seguros de automóvel possuem assistência 24h.

E certamente enviarão um guincho para lhe auxiliar, bem como um preposto para efetuar a regulação do sinistro.

Depois disso você deverá registrar um boletim de ocorrência na delegacia da área na qual ocorreu o furto.

E, por fim, enviar para sua seguradora.

Mas o seguro cobre furto de rodas?

Na modalidade de seguro compressivo, que é a modalidade mais completa e ampla dos automóveis, existe cobertura conhecida por “cobertura casco”.

Ela será responsável por indenizar o dono do veículo por danos gerais ao veículo.

Incluindo furto de rodas, desde que sejam originais do veículo.

Portanto, basta que o valor do jogo de rodas furtado ultrapasse o valor da sua franquia.

Ato que você pagará a franquia e a seguradora pagará a diferença entre valor total do dano e franquia.

Ressalta-se para o fato de que, se seu seguro não for o compressivo, é melhor verificar se há cobertura casco.

A maioria possui, mas as vezes o segurado opta por não ter e acaba se esquecendo, por isso é sempre bom ficar atento.

Se seus riscos mudaram, entre em contato com seu corretor!

Então as rodas não originais não têm cobertura?

Em regra, os seguros auto não cobrem acessórios não originais dos veículos.

Mas existe a possibilidade de contratar cobertura complementar para os acessórios, nele incluindo rodas esportivas ou luxuosas, e outros acessórios.

Veja, o seguro só irá cobrir o furto das rodas não originais se você tiver essa cobertura.

Caso não tenha, não haverá indenização.

Mas essa cobertura complementar para acessórios fica muito mais cara?

Por cobrir mais riscos, certamente será mais cara, contudo, o valor não será tão maior assim.

Essa cobertura não é contratada apenas por quem coloca rodas esportivas nos carros.

Mas também para quem é adepto de aparelhos de som, kits aerodinâmicos e tuning.

Você pode estar dizendo, “Mas eu ouvi dizer que a seguradora não faz seguro para carros modificados”.

Isso não é uma regra, algumas modalidades de veículos, por apresentarem muitos riscos, encontram maiores obstáculos para realização do seguro.

Mas, desde que as modificações sejam de acordo com a resolução do CONTRAN, a seguradora poderá avaliar o caso e conceder o seguro.

Para isso, basta consultar um corretor de seguros.

Gostou do conteúdo? Para ter acesso a mais textos exclusivos como esse, basta assinar nossa newsletter.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *